quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Saia daqui, dor de cabeça.
Tô cansada de te expulsar, e em seguida, sentir voltando pra mim de mansinho.

Desculpe, pois tenho uma dor no peito para me preocupar, e sentir você é um disparate.